Como ver saldo migratório Portugal

Quando um país sofre com algumas oscilações econômicas é comum perceber que o número de pessoas que saem daquele território é maior do que o número das pessoas que entram. Assim, saber como ver o saldo migratório Portugal é essencial para ter o controle do fluxo populacional, bem como determinar a quantidade de imigrantes e emigrantes do país.

De forma geral, para calcular o saldo migratório de um país, basta olhar a diferença entre o número de imigrantes e emigrantes, onde a valor encontrado é a quantidade de pessoas que estão entrando no território português.

Como ver o saldo migratório por meio da internet

O melhor lugar para ver o saldo migratório Portugal é por meio do site oficial PORDATA (Base de Dados Portugal Contemporâneo). Isto porque a plataforma oferece informações em tempo real com uma análise que vai desde os anos 60 até o momento presente. Outro ponto positivo também que a plataforma possui são os dados complementares como:

  • A possibilidade das informações serem em milhões por habitantes ou em porcentagem;
  • Informações relacionadas ao PIB provenientes de trabalho nativo e da mão de obra estrangeira que reside no país;
  • As consultas por temas que vão desde o número populacional até os gastos que uma família possui.

O primeiro passo de como ver o saldo migratório Portugal é por meio do acesso ao portal PORDATA. Com apenas um clique a pagina inicial será aberta e posteriormente, basta selecionar a opção “Portugal” e esperar a próxima página carregar conforme demonstrado na imagem.

As informações fornecidas na página serão sempre em tempo real e relacionadas apenas a Portugal. Caso a pesquisa seja algo mais abrangente e englobe a Europa toda, basta selecionar o ícone “Europa” e proceder da mesma forma que antes.

O segundo passo é realizar a consulta por tema, na opção correspondente a população. Caso prefira ir direto para o ícone que corresponde a migração , basta clicar nesse link. Mas se o objetivo for outro, selecione apenas a opção “população” e escolha uma das opções que melhor se adequa a sua pesquisa.

O último passo consiste na avaliação das informações.

Conforme demonstrado na figura abaixo, existem inúmeras informações relacionadas aos dados migratórios. Portanto, tal tópico apresenta-se bem organizado no site para que tudo seja acessado da melhor forma possível e com dados concretos que podem ser analisados tanto por números brutos quanto por percentuais exemplificados na forma de tabelas e gráficos.

Desta forma, para ver as informações referentes as migrações em Portugal, basta clicar no tópico que mais combina com os seus objetivos e ter todas as informações representadas na tela do computador.

O plano B

As vezes a primeira opção de consulta que é o acesso da plataforma PORDATA, costuma ficar fora do ar no Brasil. Porém, em questões de horas o problema é resolvido e os dados ficam disponíveis novamente. Mas caso tal infortúnio aconteça e a análise do saldo migratório seja urgente, é sempre bom ter um plano B de como ver saldo migratório Portugal.

O plano B consiste em acessar as informações por meio do site do Observatório das Migrações (OM), onde os dados são exclusivos da República Portuguesa.

Mas é importante ressaltar que igual a qualquer outro site informativo, existem os prós e os contras. E com relação ao OM um dos pontos mais positivos dele é que todas as informações ali fornecidas foram obtidas por meio de estudos avançados que estão sempre relacionados com projetos de universidades nacionais e internacionais. Ou seja, são bem confiáveis. Porém, o ponto negativo é a atualização das informações que até o momento, englobam os anos de 2010 a 2015. Mas em compensação sempre que há atualização o próprio site disponibiliza o link na guia “notícias”.

Alguma dúvida? Comente!

Add Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.